seguindo por e-mail

Instagram

domingo, 8 de abril de 2012

Regis Danese revela visão da filha sobre cura da leucemia: ‘Eu tô podre, mas não vou morrer’, disse a menina

Ver uma criança de apenas 3 anos fazer quimioterapia com injeções na medula até quatro vezes na semana corta o coração de qualquer um. Ainda mais do pai dela. Mas Regis Danese fala sobre o tratamento da filha Brenda, que está com leucemia, com a tranquilidade e a confiança que só as pessoas de muita fé têm. Assim como canta em seu maior sucesso, “Faz um milagre em mim”, o cantor gospel acredita que Deus vai “sarar todas as feridas”.
— Os médicos dizem que a chance de cura é de 85%. Mas, para o meu Deus, é de 100%. No futuro, isso vai servir para darmos um testemunho para as pessoas. Eu vou viver para ver os filhos da Brendinha — afirma Regis, que também é pai de Bruno, de 13 anos.
Quando tiver filhos, Brenda não provavelmente não vai lembrar de metade do que passou:
— Eu não deixo transparecer nada. Digo a ela que está curada, mas ainda precisa tomar injeção. E que o cabelo vai cair para depois nascer um mais bonito — diz o cantor.
Mesmo sem entender o que se passava, a pequena teve uma espécie de visão do que estava por vir quando a doença foi descoberta, durante um passeio da família na Disney, nos Estados Unidos. Segundo Regis, a menina chegou a ficar sem uma gota de sangue no corpo e precisou fazer duas transfusões por lá e mais duas no Brasil.
— No carro, indo pro hospital, ela disse: “Eu tô podre, mas não vou morrer.” Deus colocou isso na boquinha dela, mas a sinceridade Dele só vem para a vitória — revela.
Brenda enfrenta bem o tratamento e já não chora ao tirar sangue. A menina sabe o que é vencer na vida com apenas 3 anos: a mãe, Kelly, foi atropelada na gravidez e ela nasceu prematura de 7 meses.
Cantor quer criar instituição
Regis prefere não revelar se fez promessa pela cura da filha. Mas, desde já, tem um plano: ajudar crianças necessitadas que vivem o mesmo drama que Brenda.
— Vou gravar um DVD em breve e vou doar tudo o que eu ganhar para alguma instituição que cuida de crianças com câncer. De repente, até monto uma. Sei que é muito difícil, preciso que algumas pessoas, talvez políticos, abracem esse projeto. Deus vai me indicar o melhor caminho — afirma.
A preocupação do cantor é com as crianças que, diferente de Brenda, não tem pais com condições para bancar um bom tratamento.
— Eu fico pensando nas pessoas do interior, que não têm onde se tratar… Só quem passa por isso sabe como é. Já perdi avós, mas quando se trata de um filho a dor é pior — diz Danese.


by: Extra

SOBRE O AUTOR

Kestão de Opinião!?!

Blogger

siga-me os bons

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Kestão de Opinião!?!. Tecnologia do Blogger.

Posts em Destaque

Parcerias

Nosso Banner


Seguidores

Postagens populares

Arquivo do blog

Agregadores e Parceiros

Tecnogospel: Os melhores links evangélicos ClicMais.net Sua Rede de Links Tedioso: Os melhores links

Total de visualizações